Pré-consulta grátis. Solicite mais informações

Divertículo de Zenker

DÚVIDAS NO TRATAMENTO?
Entre em contato com a nossa central de atendimento
  4020-6719
MAIS
ACESSADOS
• Transição de Via Alternativa de Alimentação (SNE, SNG, GTT) para via oral
• Paralisia de Pregas Vocais
• Paralisia Cerebral
• AVE (AVC/Derrame)
• Guillain-Barre
TRATAMENTOS
RELACIONADOS
• Câncer de cabeça e pescoço
• Distrofia Muscular
• Divertículo de Zenker
• Doença de Huntington
• DPOC - Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica
• Esclerose Lateral Amiotrófica
• Fonoaudiologia no Pré e Pós Cirurgia Bariátrica
• Lábio Leporinio
• Mãe Dináh era portadora de Miastenia Grave
• Mal de Alzheimer
• Miastenia Grave
• Parkinson
MAIS
INFORMAÇÕES
Marcação Fonoaudiologia em Casa
Marcação Equipe da Central
Marcação Central na Mídia
Marcação Tratamentos
Marcação Aparelhos e Equipamentos
Marcação Dicas de Saúde
Marcação Depoimentos Sobre a Central
Marcação Rede de Parceiros
Marcação Perguntas Frequentes
Marcação Pesquisa de Satisfação
Marcação Trabalhe Conosco
ESPAÇO
DO CLIENTE
Para acessar, digite seu email e senha abaixo:
esqueci minha senha
 › 
Divertículo de Zenker

Conhecido como divertículo faringoesofágico, o Divertículo de Zenker é um divertículo da mucosa da parede posterior da faringe. Além disso, é considerado o divertículo mais comum do esôfago. Pessoas com 60 anos são as principais vítimas dessa patologia. A queixa dos pacientes com essa enfermidade é a dificuldade em deglutir.

Em fase inicial, os pacientes não apresentam sintomas que possam prejudicá-los. Entretanto, é uma doença que se desenvolve com o passar do tempo. Sendo assim, com o seu crescimento, são apresentados em estados sintomáticos a disfagia alta, tosse intermitente, salivação excessiva, odinofiagia.

A partir do momento em que a bolsa aumenta, o paciente apresenta refluxo gastroesofágico, halitose, mudanças da voz, do retroesternal, disfagia cervical, sons de borbulhamento à deglutição e obstrução respiratória.

Fonoaudiologia para tratamento de Divertículo de Zenker

A esofagomiotomia cervical se faz necessária em casos de tratamento. Com isso, a lesão regride. Em outras situações, deve ser ressecado com grampeador cirúrgico linear, ou por via endoscópica. A miotomia, por sua vez, é utilizada em casos de divertículos menores.

Existe também o tratamento endoscópico, que consiste em abrir a parede posterior do esôfago por meio de um instrumento que ao mesmo tempo corta a parede e faz sutura, sendo formado um canal comum entre a luz esofagiana e o interior do divertículo, conhecido como procedimento de Dohlman.

A Central da Fonoaudiologia dispõe de profissionais que atuam em casa. Para saber mais sobre como é realizado o tratamento contra o Divertículo de Zenker entre em contato com nossos profissionais ou acesso nosso site.

  Dúvidas sobre Divertículo de Zenker?

Solicite uma ligação de nosso
Atendimento

(inclusive aos finais de semana)

 
Procura atendimento domiciliar?
Procura atendimento particular?
Prefiro contato por:
1